Skip navigation

Poesia parcial e divindade experimental

São eixos que transcendem e se tocam

Realidades que os sentidos nos enfocam

Crescente brilho em cósmica destreza

Na eterna incessante busca da beleza

Fogo que ascende… DNA… luz em upgrade… espiral?

Que se transforma, morre e desabrocha

Do vil metal ou da mais densa rocha

 Em Alquímica pedra filosofal

                                                  Alda Maria

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: