Skip navigation

 

 

 

 

 http://www.quarto-crescente.com/blog/

Já inaugurei a minha primeira loja.

Curioso, porque não é a primeira vez que inauguro uma primeira loja,

mas esta é só minha, e tem um sabor especial…

Sabe a sangue, suor e lágrimas.

Há muito tempo que o meu sorriso não era tão feliz!

Quando, há três anos, deixei tudo para trás,

 jurei nunca mais ter nada a ver com os trapos,

 e olhem só para mim agora, feliz, a fazer o que sempre gostei de fazer.

A loja está “um mimo”, e as pessoas não param de me cumprimentar

 e dar os parabéns pela iniciativa.

– É a filha da D. Emília, não é ? –

Que saudade já tinha de ver esta loja aberta de novo, a minha vizinha disse-me:

 “Já abriu de novo o Quarto Crescente, e eu até fiquei arrepiada”…

Que engraçado,

como esta loja faz parte da história desta rua…

 e como as pessoas não se esqueceram de nós.

-A sua mãe está boazinha?

Ainda bem que resolveram abrir a loja de novo,

 já fazia falta aqui à rua!

 

Quarenta anos,

é uma vida, aliás são muitas vidas…

 

Acho  piada,

 às senhoras que eu antigamente via, passarem com os filhos pela mão,

 agora a passearem os netos, alguns iguaizinhos aos respectivos pais.

 

É como se tivesse recuado no tempo…

Ontem fique até tarde na noite a tratar dos últimos preparativos;

 tirar os papéis que tapavam as montras e fazê-las,

é realmente uma viagem ao passado,

mas no passado, era eu e a minha irmã

a fazermos uma directa, sempre que era mudança de estação,

e de madrugada íamos comprar pão quente

 à padaria no final da rua,

 que antigamente fornecia Odivelas inteira,

 e que agora já nem sei se existe,

 e a comermos carcaças com manteiga a derreter,

até o dia raiar e a loja estar pronta para abrir.

 

A vida vai mudando,

 umas vezes devagar e outras, depressa demais…

 

Não estou com pressa de nada.

 Pela primeira vez na minha vida,

não tenho pressa nenhuma.

Quero andar devagar…

mas o pior é que não sei ficar quieta.

Esta loja, não é bem uma loja de confecção, como era antigamente.

 É uma loja de enxoval para bebé, e puericultura.

 

Eu acrescentei algumas peças pintadas por mim,

 ( casinha de madeira c/ gaveta p/ quarto de bebé)

 

 como por exemplo orações ao anjo da guarda

para pôr nas cabeceiras das caminhas dos bebés,

 (com uns anjinhos inventados por mim, com asinhas feitas de penas e tudo),

quadros para decorar os quartinhos,

 

( Candeeiro c/ abat-jour pintado)

 

caixinhas de madeira pintadas, candeeiros, fraldários,

 telas com o nome, peso e data de nascimento do bebé, que faço por encomenda…

 Tem sido um sucesso enorme,

 e logo no primeiro dia recebi a encomenda de três orações, escritas em inglês,

 para serem enviadas para Inglaterra.

( moldura c/ base)

 

 Os clientes não se esqueceram das roupinhas que eu desenhava,

embora maior parte deles nem saibam que sempre foram desenhadas por mim,

 e não param de pedir vestuário para bebé,

“Que dantes o Quarto Crescente tinha”,

 e eu só tenho enxoval e roupinhas interiores.

 

Pronto!

 Estava eu nas calmas, e agora já resolvi de novo meter-me em “assados”.

Vou desenhar de novo uma colecção de vestuário para bebés e crianças…

mas só até aos 2 ou 3 anos de idade.

Bom,

mas já que vou ter que me dar a “esse trabalho”, mais vale fazer já a pensar em vender por grosso.

Tenho que arranjar vendedores,

 fazer a feira de moda

(que ouvi dizer que já nem existe)

….e…

eu só ia abrir uma lojinha…ou duas…

Alda… Alda… Alda…

Simples…

Já está tudo dentro da minha cabeça,

 agora é só passar tudo para o lado de fora!

 

 Beijinhos

Alda Maria

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: